quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Sobre as Projeções no Amor


"Sabe, eu me perguntava até que ponto você era aquilo que eu via em você, ou apenas aquilo que eu queria ver em você. Eu queria saber até que ponto você não era apenas uma projeção daquilo que eu sentia, e se era assim, até quando eu conseguiria ver em você todas essas coisas que me fascinavam."
Caio F. Abreu

4 comentários:

Ceisa Martins disse...

desisti de pensar sobre tais questionamentos! rss

Beijos, flor!

Flá Costa * disse...

adoro Caio F. Abreu.
Hoje, amanhã e sempre.

Beijinhos

Camilla Rabelo disse...

É que as vezes materialisamos tanto uma pessoa, que acabamos vendo nela aquilo que gostaríamos que ela fosse.

Jana disse...

Nossa, tão fácil vermos que a pessoa é aquilo que queremos, difícil é perceber que ela não tem nada a ver conosco....

bjs