quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Amanheceu!




É hora de voar...
Pássaros - Claudia Leitte




Creio que já deva estar maduro. Os grumos começam a se tornar vermelhos. O amor amadureceu e enfim morreu. Ou não. Sementes aos montes caem na terra molhada pela chuva. Uma promessa de um recomeço, brevemente.


Folhas verdes, as vezes alaranjadas. Dançam no ritmo do vento, música própria, inaudível para os que não enxergam a vida com os ouvidos da alma. Sim, enxergar com os ouvidos, metáforas que tentam expressar o sentimento mais puro que é o "querer viver".


A necessidade de acordar e querer ver mais uma vez o sol. O esperar anoitecer para aguardar o espetáculo da lua. Ter algumas certezas pelas quais eu possa me segurar: a noite, o dia. Sempre tem um amanhã me esperando. Aguardando, me disponibilizando... tempo para me arrepender, para tomar coragem, para pedir desculpas, para se declarar. Amanhã eu sempre posso consertar o ontem ou o hoje. Ou não. Ou o amanhã pode não vir. E aí?


E se o Bial estava certo? Morrer é muito demodê. Ir, e não voltar, deixar a roupa no varal, a comida em cima do fogão, as contas na gaveta para serem pagas... Deixar a promessa com o amigo, deixar as esperanças com aquele seu novo amor. Deixar tudo inacabado. Simplesmente não houve um amanhã. Ele simplesmente não ocorreu, fiquei pra trás. O mundo soube dar suas voltas sem mim. Um mundo sem eu, como seria? Meus amigos, meus familiares, meu amor... Sem mim. Eu ali, num corpo sem vida, como seria? Chorariam? Seria de verdade?


Se eu morresse hoje, a vida teria valido a pena?




Mood:
Thinkin'

10 comentários:

Maria Fernanda disse...

Achei tão linda a foto da menina. Tem tanta verdade nos olhos dela. E felicidade também.

Sabe, não sei até que ponto podemos considerar o que é valer a pena ou não. Para você, talvez tenha valido. Para os seus pais, que não tiveram a chance de ver você formar-se, não.

É tudo questão de ponto de vista.

Rafa disse...

é uma pergunta que eu me faço sempre, essa.
por isso que sempre temos que aproveitar cada momento, sentir e ver tudo o que passa por nós; aí sim, se deixarmos esse mundo antes da hora, poderemos olhar prá trás, e dizer que valeu a pena! :D

beijo!

Anna Oh! disse...

Acho que me páro pra perguntar isso algumas vezes, mas não as vezes necessárias pra ser capaz de ousar mais, de duvidar menos, de me atirar no que considero que "valha a pena". Gostei muito desse post, é pra refletir mesmo ;)
Ah, primeira visita no blog...

Bjões

Anna O.
Divã Rosa Choque

''[G]ü[R]ÿ disse...

adorei a imagem... ainda é do site q vc me passou?
eu sempre q posso viajo pelas imagens por lá... magníficas

sobre o post: "enxergar com os ouvidos" .. boua essa ein.. gostei! .. mas poxa: "E se o Bial estava certo? " .. não achei legal iso.. ainda não curti o q o bial disse. Ele expressou-se de maneira mto "sou o bom" na minha opinião.

Eee..."a vida teria valido a pena?
" .. pra mim teria! só pelo fato que mudei e transformei pessoas para o bem, que minha passagem pela vida deixou marcas em algumas pessoas, isso pra mim já é ter valido a pena.. mesmo embora o amore de mi vida não ter surgido pra mi!!!. ashduahsua eita aflição!!!

bj bj

alohaaaa

Guria disse...

Acho que é uma curiosidade de todos isso, eu sempre me faço a pergunta de que se eu moresse hoje quem estaria lá no meu velório? Quem choraria com a minha partida? Quem ficaria feliz... ahhhh
Perguntas... mais bestas até né? hehehe

Tem selinho pra ti lá no meu blog viu?

Beijos

Julis disse...

volteiiiiiiiiii

Srta Diazepan disse...

constantemente me faço a mesma pergunta...

beijos

Elis disse...

Deixar tudo inacabado....( ai que medo....rsr)
" O mundo soube dar suas voltas sem mim..."
Pois é...ruim pra quem vai..e deixa seus sonhos, seus planos pelos caminhos....incabados...
Ruim quem fica doente a espera dela.....e ve um mundo girando num colorido magico e um médico chegar e dizer que fez o que pode...muito ruim isso..
Mais podemos tirar sim o melhor de nossa historia...dos nossos pais , dos nossos amigos, do nosso canto..
Penso eu q a vida e muito rapida...isso aqui passa muito rápido...pra alguns..então fazer dela uma magia de alegria..e a melhor forma de se deixar sua historia...
um xeroo fofix!

Flá Costa * disse...

ah como eu queria que valesse a pena.
É que de vez em quando - sempre - eu tenho uma sensação de que algo fenomenal está pra acontecer.
E o problema é que nada do que acontece, realmente supera essas minhas expectativas.

beijoca
como sempre, perfeito o texto.

matina disse...

Se eu morresse hoje, a vida teria valido a pena?

ás vezes em momentos de crise desejamos a morte como se fosse a solução mais prática para tanta tristeza.
Mas, acho que tem muita coisa para ser vivida...

profundo isso, não?

bjo