quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

É que eu tenho a marca da promessa.


Eu já passei por tempestades, mar revolto, terremotos e até tsunamis. Mas sempre estive fincada na rocha.

Já vi tubarões serem domados, leões serem calados e até águias medonhas terem as asas aparadas. Mas sempre estive firme e livre nos limites da minha gaiola.

Já chorei de desespero, já me senti desolada, desamparada e até vulnerável. Mas tudo passou quando eu percebi que eu nunca estarei sozinha. Na verdade nunca estive.

Já passaram por aqui grandes reis e rainhas. Monarcas com suas mais bizarras artes de guerra. Sobrevivi a todas elas, mas cada uma me deixou um ferimento de guerra.

Já vi os tiranos descerem a guilhotina em pescoços afoitos e até em alguns inocentes. Sempre consegui preservar minha cabeça junto ao corpo.

Já vi sangue de inocente rolar por caprichos da nobreza. Sempre fiquei da minha cela a velar pelos que se foram e a rogar por mais um dia.

Foi aí que eu percebi: quando estamos na beira do precipício é que percebemos o valor do purgatório quando se tem como destino apenas o inferno.

Aldrêycka Albuquerque

Linguagem figurativa para desenhar meu cenário profissional do momento. Em outras palavras, estou aqui para dizer que EU TENHO A MARCA DA PROMESSA. E nada que eu  não peça aos pés do Senhor para Ele fazer por mim que ele não faça. Quando eu não posso fazer mais nada por mim nem pelos outros, peço a Deus em intercessão e Ele cumpre sua promessa: mexe Céus e Terra pelos justos que estão de mãos atadas diante de uma dificuldade. Só gostaria de fazer uma ressalva: cuidado ao querer por o dedo e prejudicar aqueles (como eu) que têm a marca da promessa.
Dreycka.

A MARCA DA PROMESSA - Trazendo a Arca

Se tentam destruir-me zombando da minha fé
E até tramam contra mim
Querem entulhar meus poços
Querem frustrar meus sonhos e me fazer desistir

Mas quem vai apagar o selo que há em mim?
A marca da promessa, que Ele me fez
E quem vai me impedir se decidido estou?
Pois quem me prometeu é fiel pra cumprir

O meu Deus nunca falhará, eu sei que chegará minha vez!
Minha sorte Ele mudará diante dos meus olhos

Prepara-me uma mesa na presença dos meus inimigos
Unge minha cabeça e o meu cálice faz transbordar
 

Mas quem vai apagar o selo que há em mim?
A marca da promessa, que Ele me fez
E quem vai me impedir se decidido estou?

Pois quem me prometeu é fiel pra cumprir!


4 comentários:

Bia Ferreira disse...

graças a Deus, rssss

Iêda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Iêda disse...

É verdade amiga,

O Senhor sempre estará ao lado dos justos, e nós sabemos o quanto de injustiças já presenciamos aqui, mas, o Senhor com sua sabedoria e amor incondicional sempre estará conosco.
Que essa confiança permaneça firme e forte, poís o cuidado do nosso Deus para conosco é sublime e real.
Não podemos desanimar nunca,
por que Deus é fiel a nós.

Força sempre!

Beijos.

Augusto Dias disse...

Um poço de fé tão fundo e que transborda talvez pra molhar os pés de tantos sem fé sempre em torno de nós.
Parabéns, fique com Deus !!!!