segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Saramago e o Meme da Camilla


Ensaio Sobre a Cegueira


Comprei o livro Sábado, estou lendo avidamente, mas confesso que é uma leitura um pouco confusa já que ele é escrito em português de Portugal, e não sei se é porquê lá eles não tem a "interrogação" no alfabeto, mas pasmem, no livro não tem nenhuma... Só vírgulas incontáveis e ponto final para ir pra próxima idéia. É bem confuso ler um livro com uma pontuação estranha do tipo:

"A manhã estava em meio quando se ouviu a voz do altifalante na camarata, Atenção, atenção, os internados alegraram-se, pensaram que era o anúnico da comida, mas não, tratava-se da enxada, Alguém que a venha buscar, mas nada de grupos, só sai uma pessoa, Vou eu, que já falei com eles antes, disse a mulher do médico."

Complicado, né? Acho que na verdade é estranho, nem chega a ser complicado de fato. Parágrafos sem fim, sem pontos, sem interrogações, apóstrofos... Sr. Saramago deve ter escrito esse livro numa máquina de escrever com teclas falhas, ou então lá em Portugal se constuma escrever assim mesmo. Pior é vender por aqui livros sem a tradução para o "brasileiro", né? Pois ninguém merece ler "a rapariga de óculos escuros sorriu"... E ser ainda mais hilário que a tal rapariga (mulher jovem) era prostituta! kkkkk
Ah! Vale salientar que o livro inteiro não trata personagem nenhum pelo nome. Apenas "primeiro cego", "mulher do primeiro cego", "médico", "mulher do médico", "ladrão", "policial", "motorista", "rapariga de óculos escuros", "rapaz estrábico"... É como se ele tivesse se referindo a ratinhos cegos num laboratório! Incrível!

Mas a leitura é muito boa, a história se foramando, o "quê" filosófico e humanístico permeando todo o livro... É muito legal. Bem, eu ainda não terminei, ainda estou na página 89, mas já ficaram cegos muuuuuita gente e já morreram outros tantos. Sempre que puder posto uma curiosidade do livro. E quando terminá-lo, assistirei o filme, que dizem ter sido a cópia fiel do livro... Vou ver...


A seguir, um Meme!!!!



Recebi o seguinte meme da querida Camilla do blog DEVANEIOS ON LINE:

Enumere 7 canções que você ouve sempre, que estão no seu mp3, mp4, Ipod e afins, que você cantarola pela rua. Enfim, suas músicas de cabeceira:

Já que eu sou musica-maníaca, fica difícil citar a música em si, o track, então vou colocar o artista, pois geralmente escuto álbuns completos, sabe?



1º Marcelo Camelo
2º Tiago Bettencourt
3º Muse
4º Toranja
5º Jon Mclaughling
6º Sara Bareilles
7º Damien Rice




Esses são os artistas que eu mais tenho escutado ultimamente, e você? Repasso esse meme para: GURY, BRUNO e ANNA O.


Beijinhos!

7 comentários:

''[G]ü[R]ÿ disse...

dreycka.. então, o livro do saramago não foi "traduzido" pq o próprio autor não quer que ele seja (já que é a mesma língua, portugues [porém de portugal, e isso acho que ele não entende, mas fazer o quê??]) E outro ponto, é o discuro indireto-direto que ele usa, nestes que entram diálogos e narrações num mesmo parágrafo. Por isso que voce achou-o confuso, num primeiro momento. Mas por outro lado, deu um tom muito bom para o livro em si. você vai ver.

Mas não conta a história não pq pode ser "spoiler" pra quem não leu!!!! (ou viu o filme, igual a mim!!!)

e obrigadinho pelo meme... vou fazê-lo. bj bj

alohaaa

psiu: viu a tirinha dr.pepper q te enviei no orkut?. kkkkkk

you're no fun any more disse...

saramago neles.
esse é um dos livros mais geniais do mundo. você vai gostar.
leia mais dele, quando terminar. faz bem para a alma.

see ya.
you're no fun any more.

divarosachoque disse...

Opa, flor... eu vi o meme e ele já está parcialmente respondido aqui no meu pc... muchas gracias!!!!!
Meme musical... uuu, nunca respondi um desses, mas já já será postado ;)

Sabe, depois d tanto comentarem do filme e do livro e depois de tanto provocarem minha curiosidade eu tô tentada a cair no Saramago... hehehehe, seriamente tentada.

Bjões!

ps: meuuuuuuu, Marcelo Camello é meu sonho de consumo!

''[G]ü[R]ÿ disse...

viuuu.. qndo respondi ao seu meme, eu pensei no seu post anterior (que falava mal das pochetes e musicas de ipod "deles") e pensei se talvez eu pudesse passar pela crítica "dreycka"... q tals??/

ahsudhau.. alohaaa

Camilla disse...

Mais um livro do José Saramago que está na minha lista. É, o português de Portugal as vezes dá uma certa dor de cabeça, os textos do Pessoa nem se fala.

Ahhh, obrigada pela parte que me toca...rsrsrs


Beijos!

Guria disse...

Eu só sei que esse livro não me atrai muito não... ele não está na minha listinha... rsss

Beijos querida

Everaldo Vilela disse...

Eu também "travei" no início da leitura devido as vírgulas seguidas de palavras iniciadas com letra maiúsculas...
mas já me acostumei.

Quanto à capa do livro, eu sinceramente não sei o significado da imagem do livro, mas vou procurar saber. Fiquei curioso.

abraço.